Napoleão: Ridley Scott diz que versão do diretor terá quatro horas e meia

0
249

O mais recente sucesso de bilheteria de Ridley Scott está no horizonte, com Napoleão programado para estrear nos cinemas ainda neste ano. O marketing inicial de Napoleão sugeriu a escala épica e majestosa do filme – e, aparentemente, isso está refletido na versão do diretor do filme. Em uma nova entrevista ao Empire, Scott revelou que tem uma versão “fantástica” de Napoleão que atualmente dura quase quatro horas e meia. O corte estendido supostamente apresenta ainda mais da vida de Josephine (Vanessa Kirby) antes de ela conhecer Napoleão Bonaparte (Joaquin Phoenix). Scott supostamente espera que esse corte mais longo seja eventualmente lançado. Mesmo assim, Scott e Phoenix prometeram que a versão mais curta do filme ainda cumpre. 

 “É uma história surpreendente”, diz Phoenix sobre a vida de Napoleão. “Esperamos ter capturado alguns dos momentos mais interessantes.” 

Sobre o que é Napoleão? 

Napoleão é um épico de ação repleto de espetáculos que detalha a ascensão e queda do icônico imperador francês Napoleão Bonaparte, interpretado pelo vencedor do Oscar Joaquin Phoenix. Contra um cenário deslumbrante de produção cinematográfica de grande escala orquestrada pelo lendário diretor Ridley Scott, o filme captura a jornada incansável de Bonaparte ao poder através do prisma de seu relacionamento volátil e viciante com seu verdadeiro amor, Josephine, mostrando suas táticas militares e políticas visionárias contra alguns das sequências de batalha práticas mais dinâmicas já filmadas.  

Em Napoleão, Phoenix interpreta Napoleão Bonaparte, com Vanessa Kirby estrelando como o amor e futura imperatriz de Napoleão, Joséphine. O filme também inclui Tahar Rahim como o líder revolucionário francês Paul Barras. O elenco de Napoleão também inclui Ben Miles como o conselheiro de Napoleão, Caulaincourt, Ludivine Sagnier como a socialite Theresa Cabarrus, Madame Tallien, Matthew Needham como o irmão de Napoleão, Lucien, Youssef Kerkour como o marechal Davout, um dos comandantes de Napoleão, Phil Cornwell como Sanson ‘O Bourreau’, rei da França, Edouard Philipponnat como o czar Alexander, Ian McNeice, Paul Rhys como o diplomata Talleyrand, John Hollingworth como o célebre soldado Marechal Ney, Gavin Spokes como Moulins e Mark Bonnar como Jean-Andoche Junot. Scott dirige o filme a partir de um roteiro escrito por David Scarpa.  

O que você acha dos novos detalhes sobre a versão do diretor de Napoleão? Compartilhe sua opinião conosco nos comentários abaixo!