Painel da Warner Bros. "quebra" a CCXP 2019 com Mulher-Maravilha 1984
10.12
2019
Painel da Warner Bros. “quebra” a CCXP 2019 com Mulher-Maravilha 1984

A CCXP 2019 já acabou e muitos ainda estão com as boas lembranças sobre o melhor painel de toda a Comic Con. Com a grande disputa todos os anos de Sony e Warner sobre quem leva o melhor painel para o evento e com a ausência da Sony sentida pelo público, ficou à cargo da Warner trazer o melhor painel de todo o evento, porém começou de uma forma um pouco decepcionante. Em seu vídeo de introdução e com a apresentação de Marcos Mion, o painel trouxe poucos filmes que serão lançados no futuro.

O painel começou com uma apresentação bastante emocionante com um vídeo de Scooby!, com um vídeo de Orlando Drummond apresentando os bordões mais famosos do cachorro falante. E no fim da apresentação, vimos um pequeno vislumbre do primeiro encontro entre Scooby e Salsicha. A data de estréia de Scooby! ficou marcado para 14 de Maio de 2020.

Passando para o próximo filme, foi mostrado um making of do filme”Em Um Bairro de Nova York“, a adaptação do musical de Lin-Manuel Miranda que mostrou cenas de bastante performance de canto e de dança e deve ser o grande filme da Warner para concorrer ao Oscar.

Depois de muita animação e cantorias o ambiente foi completamente mudado em todo o painel e finalmente foi anunciado a data e o nome da maior franquia de terror dos últimos anos, com o anúncio de Invocação do Mal 3 – A Ordem do Demônio que ganhou data de lançamento para 10 de Outubro de 2020. Além disso, nos foi mostrado algumas cenas do longa que mostraram o teor do próximo filme, que será um terror um pouco mais investigativo mas sem deixar os sustos e os efeitos práticos magníficos de lado.

A maior surpresa ficou por conta do novo filme de Christopher Nolan, intitulado de “Tenet” que foi apresentado no painel com um vídeo curto em que vemos o protagonista interpretado pelo ator John David Washington. No vídeo fica bem claro que será um filme sobre espiões e com um protagonista forte e representativo. Aliás, “In Nolan We Trust”.

Infelizmente uma das piores decepções ficou por conta da apresentação do futuro da DC Comics nos cinemas. Quando chegada essa parte do painel vimos algumas cenas de Aves de Rapina (sendo que houve um painel inteiro na quinta-feira sobre o filme com as protagonistas) e também recebemos uma mensagem de James Gunn e Alice Braga sobre o novo Esquadrão Suicida. E por último, mas não menos importante tivemos uma mensagem de Matt Reeves prometendo trazer para a CCXP 2020 materiais exclusivos de The Batman. Foi pouco pelo tanto que os brasileiros investiram e acreditaram na DC nos últimos anos.

O painel mostrou menos filmes do que painéis anteriores e ficou a desejar sobre o futuro da Warner no cinema e o que parecia ser um painel decepcionante dado a qualidade dos painéis em edições anteriores da CCXP mudou completamente quando o público recebeu uma sacola com pulseiras que remetiam a Mulher-Maravilha. Ai sim, ficou reconhecível o papel da Warner no Brasil em um painel da Comic Con, trazendo vários anúncios exclusivos e com um trailer estendido da Mulher-Maravilha que levou o público ao êxtase completo em uma apresentação bastante parecida em relevância de Aquaman do painel do ano passado. A atriz Gal Gadot e a diretora Patty Jenkins ficaram aparentemente vislumbradas com o barulho que o Auditória Cinemark proporcional em cada cena do trailer apresentado e claro, com qualquer palavra que Gal Gadot dizia aos fãs.

Definitivamente a Warner tomou conta dessa Comic-Con, trabalhando essa sinergia com o público e ficará marcado nos corações dos fãs e no coração de Gal Gadot e Patty Jenkins após o painel de Mulher-Maravilha 1984. Uma noite memorável para todos presentes naquele recinto.

Primeiro Batman antes de Bruce Wayne. Extrovertido e sem graça. Uma mistura de piadas ruins e clichês, e um senso de humor gigante para rir delas. Editor chefe do GeekSaw. Apaixonado pela “Bigscreen” e por tudo que é novidade.


GeekSaw • www.geeksaw.com.br
Tema por Gabriela Gomes