Stephen King brinca com filme “O Iluminado” de Kubrick no livro The Outsiders
28.05
2018
Stephen King brinca com filme “O Iluminado” de Kubrick no livro The Outsiders

Stephen King é frequentemente considerado um dos maiores autores de terror de todos os tempos, com um de seus livros de maior sucesso sendo O Iluminado. A história foi adaptada para um filme de Stanley Kubrick em 1980, embora King seja um dos maiores detratores do filme. Em seu último romance, The Outsider, King deixou subtilmente no filme.

Como revelado pelo IndieWire, em um ponto do romance, um personagem está assistindo Paths of Glory de Kubrick. Quando perguntado por que eles estavam assistindo a este filme, o personagem confirma que foi porque é “melhor que O Iluminado”.

Esse comentário não necessariamente revela o desgosto de King pela adaptação de O Iluminado, mas suas críticas vocais à adaptação combinadas com essa linha na nova história oferecem outra oportunidade para o autor desdenhar o filme enquanto também elogia outro filme com os esforços do cineasta.

King compartilhou suas queixas sobre o filme desde que foi lançado, com o autor detalhando alguns de seus problemas com ele para a Rolling Stone em 2014.

“O livro é quente, e o filme é frio; o livro termina em fogo, e o filme em gelo. No livro, há um arco real onde você vê esse cara, Jack Torrance, tentando ser bom, e pouco a pouco ele se move para este lugar onde está louco “, detalhou King. “E, no que me dizia respeito, quando vi o filme, Jack estava louco desde a primeira cena. Eu tive que manter minha boca fechada naquele momento. Era uma exibição, e Nicholson estava lá. Mas estou pensando em eu mesmo no minuto em que ele está na tela: “Ah, eu conheço esse cara. Eu o vi em cinco filmes de motocicleta, onde Jack Nicholson interpretou o mesmo papel.”

Kubrick pode ser considerado um gênio cinematográfico, embora muitos tenham questionado até que ponto ele empurrou a estrela Shelley Duvall na esperança de obter o desempenho frenético que estava procurando.

“E é tão misógino. Quer dizer, Wendy Torrance acaba de ser apresentada como esse tipo de pano de prato”, observou King. “Mas isso é só eu, é assim que eu sou.”

O autor pode não ser o maior fã do filme, mas muitos críticos o consideram um dos maiores filmes de terror de todos os tempos.

The Outsider está fora agora.

Primeiro Batman antes de Bruce Wayne. Extrovertido e sem graça. Uma mistura de piadas ruins e clichês, e um senso de humor gigante para rir delas. Editor chefe do GeekSaw. Apaixonado pela “Bigscreen” e por tudo que é novidade.


GeekSaw • www.geeksaw.com.br
Tema por Gabriela Gomes